quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Resenha: Cavalo de Guerra - Michael Morpurgo


Título: Cavalo de Guerra
Autor: Michael Morpurgo
Páginas: 184
Edição:
Editora: Wmf Martins Fontes
Ano: 2011
Gênero: Historia


Sinopse: A
 HISTÓRIA QUE INSPIROU O FILME DE STEVEN SPIELBERG! SEPARADOS PELA GUERRA. TESTADOS PELA BATALHA. LIGADOS PELA AMIZADE. Joey, meio puro-sangue, meio cavalo de tiro, é comprado por um fazendeiro que bebe demais e está mergulhado em dívidas. Albert, filho desse homem, e Joey tornam-se companheiros inseparáveis. Mas quando eclode a Primeira Guerra Mundial, o pai de Albert vende o cavalo para o Exército britânico. Em meio à batalha, ao barulho ensurdecedor dos disparos, aos que morrem no caminho e ao sofrimento dos sobreviventes, Joey se pergunta quando terminará aquela guerra atroz. Quando isso acontecer, será que ele poderá reencontrar Albert?


Este foi mais um presente que ganhei de meu pai.

Antes de ler o livro vi o filme.
Minhas palavras? Bom, sou suspeita em dizer porque amo cavalos. Mas... emocionante, intenso e sublime.

Minha surpresa ao lê-lo foi quando ví que o livro seria narrado por  Joey, o cavalo.
"Cavalo de Guerra" nos conduz a uma grande reflexão em relação a nossos sentimentos, o amor  e aos cuidados com os animais. Nos ensina lições sobre amizade e lealdade.
Tem como cenário a Primeira Guerra Mundial. O que, particularmente, me chama mais a atenção. Livros com a Guerra como cenário, por sua vez, são mais intensos nas histórias.

Inglaterra, 1914.
Separados pela Guerra, Joey e seu dono Albert seguem rumos que os levam a muitos acontecimentos, que não vou detalhar aqui.

Joey foi comprado, ainda um pequeno potro, em um leilão pelo pai de Albert, que ao contrário de seu filho, não o tratava merecidamente bem.
Albert ensinou a Joey todas as tarefas da fazenda. Eram inseparáveis.
Quando a guerra chega, Albert é recrutado e Joey é vendido por seu pai para a cavalaria do exército inglês. Pois as coisas não iam bem.
Desolado com a notícia, Albert jurou que o encontraria novamente e o levaria de volta para casa... (lágrimas)
Tantas coisas acontecem que você fica apreensivo, torcendo para que eles se encontrem logo.
Ocorrem muitas reviravoltas, inclusive nas páginas finais, quase levando a história a um rumo diferente do que você pensou.

É incrível a forma como o autor Michael Morpurgo nos transmite a percepção do mundo através dos olhos de um cavalo.
"Cavalo de Guerra" nos ensina que verdadeiras amizades são capazes de ultrapassar todas as barreiras.


Sia adaptação para o cinema (2012) foi indicada ao Oscar em seis categorias. E tem a direção de ninguém mais, ninguém menos que Steven Spielberg. Então, não precisa dizer mais nada.


























15 comentários:

  1. Eu acredito que deva ser um livro emocionante, infelizmente, ainda não vi o filme, mas já fiquei arrepiada com a sinopse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lilian!
      O filme é fantástico!

      Beijinhoss...

      Excluir
  2. :D Muito bonita essa capa e eu nunca li um gênero assim! Já estou curioso.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Marcio!
      Quando puder leia. Vai gostar!

      Beijinhoss...

      Excluir
  3. nossa parece muito bom o filme e o livro, adoro tudo com animais apesar de sempre chorar com qualquer minima coisa ruim que ocorra com eles kkkkk, quero assistir e ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Paac!
      E a gente chora mesmo, einh.. rsrsrs..
      Eu também adoro livros ou filmes com animais e me emociono com muita facilidade...
      E com Cavalo de Guerra não foi diferente.

      Beijinhoss...

      Excluir
  4. Olá, tudo bem?
    Esse livro parece ser realmente bom e eu também adoro cavalos, mas parece triste e estou fora de tristeza por enquanto rs
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Roberta!
      Ele não é triste. Mas retrata uma dura realidade e emociona.

      Beijinhoss...

      Excluir
  5. Nossa, deve ser maravilhoso! Gostei da sua resenha e que capa linda é essa? E o livro é bem curto né? Amei! Preciso dele pra ontem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! de fato é curto. Mas é daqueles que você não consegue mais parar de ler quando começa.
      É maravilhoso!

      Beijinhoss...

      Excluir
  6. Oii!
    Eu não vi o filme ainda, mas ao contrário do filme, eu não sabia que havia um livro da história. Fiquei bem empolgada pela leitura, mas tenho receio porque sou muito mole com relação aos animais. Tudo me faz chorar, então eu não sei bem ao certo qual seria a minha reação à história. Ainda assim, irei colocá-lo na lista de livros para ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E garanto que não vai se arrepender.
      Beijinhoss...

      Excluir
  7. Olá!
    Eu não conhecia o livro, mas já estou bem animada para ler. O filme é emocionante e me acabei com ele haha

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Eu nunca tinha ouvido falar sobre esse livro e nem imaginava que tinha filme, também confesso que não sou lá muito fã de cavalos, mas fiquei curiosa com a premissa, parece ser uma história linda.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oie
    Eu comecei a baixar o filme para assistir, mas esqueci de concluir kkk.
    Eu amo qualquer coisa que tenha como um plano de fundo a guerra e foi por isso que eu quis assistir o filme.
    Não sabia que tem livro e muito menos que a história no livro é narrada pelo cavalo.
    Com toda certeza vou me emocionar, isso é fato <3
    Amei a resenha

    ResponderExcluir